13°C 28°C
Lagoa Santa, MG
Publicidade

Aria Social impacta vida de mais de 10 mil famílias

O Aria Social já atendeu cerca de dez mil jovens, capacitando ainda mães de alunos a gerar renda com artesanato e oferecendo programas inclusivos p...

10/06/2024 às 11h10
Por: Redação Fonte: Agência Dino
Compartilhe:
Alícia Cohin /Divulgação
Alícia Cohin /Divulgação

O Aria Social é um espaço dedicado à arte e educação. Com o objetivo de formar uma comunidade unida pelo desafio de ampliar o acesso a oportunidades, conhecimento e profissionalização, o projeto já impactou milhares de crianças, jovens e seus familiares, em mais de trinta anos de atividades. Nos últimos meses, artistas formados pelo projeto participaram de mais de 30 sessões do musical “CAPIBA, pelas ruas eu vou”, assistido por cerca de 14 mil espectadores. No palco, jovens que tiveram suas vidas transformadas e profissionais que acreditam na arte como caminho para semear talentos, autoestima, autoconfiança e coragem como valores essenciais.

Criado para atender uma demanda social na Região Metropolitana do Recife e contribuir com a democratização cultural e artística do estado de Pernambuco, o Aria Social atua através da educação pela arte. O público-alvo são crianças e jovens de famílias em situação de vulnerabilidade social, matriculados em escolas públicas e moradores de bairros próximos à sede, localizada no município de Jaboatão dos Guararapes.

"Esse é um projeto de amor e resgate à dignidade. Acolhemos e fortalecemos a subjetividade de cada educando, promovendo empoderamento e conquistas”, explica Carla Machado, professora e coreógrafa do Aria Social. A entidade tornou-se um instrumento de formação – pessoal e profissional, atuando no potencial educativo, na disciplina e no fortalecimento da personalidade dos que fazem parte da instituição.

Entre os eixos de atuação estão a Arte-Educação (com dança, iniciação musical, língua portuguesa e leitura, além de curso preparatório de português para o ENEM —, raciocínio lógico e teatro), espetáculos musicais, empreendedorismo e inclusão. "O contato com a arte foi fundamental para o desenvolvimento do meu pensamento crítico e me fez alçar grandes voos. Eu não tenho como mensurar o impacto que o Aria teve na minha vida”, diz Fred Ramon, que passou em nove universidades americanas e hoje estuda Ciência da Computação e Estudos Globais na Whittier College, em Los Angeles, nos Estados Unidos.

Transformação na vida dos Alunos

Os alunos se formam como artistas e cidadãos. Muitos seguem carreira como profissionais  de educação, dança e música. Para quem cursa ou já concluiu o Ensino Médio e quer investir em profissionalização, o Aria disponibiliza o Curso Técnico em Dança desde 2022, o primeiro de Pernambuco a ser reconhecido pelo MEC. O curso tem duração de três anos. 

"Entrei no Aria aos 13 anos, em 2004, e tudo mudou a partir daí. Foi uma escolha importante para a minha profissão, me abrindo muitas portas. Tudo isso foi possível graças à formação que adquiri em Música, Dança Contemporânea e Ballet. Acabei conquistando vários sonhos, como os intercâmbios de Dança [na Suíça e em Nova York], com aprendizados que levarei para a vida. Há alguns anos, recebi o convite para dar aulas no Curso Técnico em Dança do Aria Social, o que foi um grande reconhecimento para mim", explica Nataly Araújo.

 Casa de Maria: capacitação e renda para as mães do Aria

A Casa de Maria é outra iniciativa do Aria Social que, há sete anos, usa o artesanato para capacitar, dar autonomia e gerar renda para mães, avós e cuidadores. A ação nasceu dentro do projeto, quando responsáveis pelos alunos, trocavam experiências em crochê enquanto aguardavam seus filhos. Hoje, o projeto Casa de Maria tem sede própria, anexa ao Aria, equipada com material, salas de aula, estoque de matérias-primas, máquinas de costura e uma loja onde são vendidos os produtos. Enquanto as crianças estão em aulas de Ballet, flauta, canto ou leitura, os adultos responsáveis encontram seu próprio espaço de aprendizado e crescimento. 

"O Projeto Casa de Maria também teve um papel fundamental em garantir a frequência dos alunos do Aria. Muitas crianças faltavam porque não tinham portadores. Hoje, o artesanato é também fonte de renda”, explica Cecília Brennand, presidente do Aria.  Através de parcerias estratégicas e do apoio do projeto, as peças feitas à mão são vendidas em Pernambuco e outros estados, com o objetivo de rentabilizar o trabalho das artesãs e dar sustentabilidade ao projeto. "A Casa de Maria é o testemunho do potencial humano, quando se dá a oportunidade certa. Dentro das paredes deste espaço, mães se transformam em empreendedoras e uma comunidade se une em prol do crescimento coletivo", explica Rosemary Oliveira, vice-presidente do Aria. "Elas ficam aqui para crescer, para empreender e  alavancar possibilidades através do artesanato”, completa Alexsandra Freitas, supervisora da Casa de Maria.

Desde a sua fundação, a Casa de Maria tem sido um símbolo de progresso. O que começou como simples trocas de experiências em crochê evoluiu para um movimento de capacitação e profissionalização. Hoje, mais de 140 famílias em situação de vulnerabilidade socioeconômica encontram na Casa de Maria não apenas um complemento do orçamento doméstico, mas um catalisador para seus sonhos.

“Eu estava numa fase difícil da minha vida, porque, com o diagnóstico de autismo da minha filha, fiquei com os nervos à flor da pele. Então, o Aria me acolheu. Além da minha filha participar das aulas de balé, eu estou aprendendo artesanato, já tive curso de empreendedorismo, onde aprendi a fazer meus trabalhos, vender e ganhar meu dinheiro. Para mim está sendo muito bom. A Casa de Maria é um coração de mãe”, comenta Márcia Betânia, mãe de uma aluna do projeto.

Aria Social em Números

O projeto Aria Social tem apresentado resultados notáveis no desempenho de seus alunos. Com 95% dos participantes aprendendo a tocar um instrumento musical, o programa destaca-se pelo alto engajamento cultural e educacional. Além disso, a taxa de 99% de participação nos espetáculos de encerramento demonstra o comprometimento dos alunos com as atividades propostas. A frequência média de 89% em todas as atividades reforça a dedicação dos jovens ao projeto.

No âmbito acadêmico, 28% dos alunos alcançam notas acima de 9,00 em suas escolas regulares, e 87% obtêm aprovação escolar, refletindo o impacto positivo do Aria Social tanto na educação formal quanto no desenvolvimento artístico dos participantes.

Serviço

Para saber sobre como doar ou ser voluntário, acessar o site do Aria Social ou o telefone (81) 334-11014.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Lagoa Santa, MG
20°
Tempo limpo

Mín. 13° Máx. 28°

20° Sensação
3.6km/h Vento
56% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h27 Nascer do sol
05h24 Pôr do sol
Seg 28° 12°
Ter 29° 12°
Qua 29° 13°
Qui 28° 13°
Sex 29° 15°
Atualizado às 21h04
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,38 +0,00%
Euro
R$ 5,77 0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,63%
Bitcoin
R$ 380,316,88 +1,25%
Ibovespa
119,662,38 pts 0.08%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade