11°C 28°C
Lagoa Santa, MG
Publicidade

1º Festival de Cultura de Roça da Lapinha acontece em Lagoa Santa

Neste sábado, 15 de junho, a histórica Fazenda Samambaia será palco do grande banquete do 1º Festival de Cultura de Roça da Lapinha

13/06/2024 às 11h12
Por: Redação Fonte: Estado de Minas/ Rota das Doceiras
Compartilhe:
crédito: Rota das Doceiras/Divulgação
crédito: Rota das Doceiras/Divulgação

No próximo sábado, 15 de junho, a histórica Fazenda Samambaia será o cenário do grande banquete do 1º Festival de Cultura de Roça da Lapinha, em Lagoa Santa. O evento, organizado pela Associação Rota das Doceiras da Região da Lapinha, visa celebrar a culinária e as tradições rurais mineiras.

O festival destacará pratos típicos como canjiquinha com galinha, feijão tropeiro, mamão com costelinha e ora-pro-nóbis com costelinha. Além das delícias gastronômicas, haverá exposição de artesanato, literatura, plantas ornamentais e atividades como pescaria.

No cardápio do festival, o visitante vai encontrar também: paçoca de carne, farofa de banana, feijão tropeiro com couve, mandioca frita e torresmo. Galinhada, mamão com costelinha, ora-pro-nóbis com costelinha, suã com cansanção, quiabo de figueira ou palma com carne de panela (porco). Além dos deliciosos doces caseiros da Rota das Doceiras. E pra beber: cerveja artesanal e cachaça.

Marta Machado Soares, organizadora do evento, ressalta a importância de resgatar a culinária ancestral, destacando o uso de plantas alimentícias não convencionais (PANCs) na alimentação. Segundo ela, o festival é uma oportunidade de reviver a mineiridade e valorizar a gastronomia tradicional desde os tempos do povoamento de Minas Gerais.

“Eu estava pesquisando sobre a gastronomia,  porque que tem essas pancs aqui na região da alimentação, né? Quando a bandeira paulista chefiada por Fernão Dias Paes Leme chega à região, ele descobre a região aurífera de Minas, tem uma corrida de muita gente para cá, para a região, e alimentação naquela era difícil. Aí começa a faltar provisão. E as escravizadas indígenas e as escravizadas negras, elas dominavam o uso das pancs na alimentação como:  cansanção com costelinha, mamão com carne de porco. As carnes eram conservadas em latas, porque antigamente não existia geladeiras. A gente tinha que fazer as carnes e deixar na lata, na gordura, para não perder. Tinha a técnica que você tem que tirar toda a água da carne. E também a questão do quiabo de figueira, o quiabo de palma. Então, esse festival vem para contemplar isso, fazer um resgate da mineiridade, dessa gastronomia, lá do início do povoamento de Minas”, admira Marta Machado Soares. 

O evento é gratuito e irá oferecer ao público uma experiência rica em história, sabor e cultura.Horário: das 10h às 17h.

Local: Histórica Fazenda Samambaia - Rua do Engenho, S/n, entorno do Parque Estadual do Sumidouro

Contato: Marta Machado - 31 99608-4600

Instagram: @rotadasdoceiras_lapinha

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Lagoa Santa, MG
27°
Tempo limpo

Mín. 11° Máx. 28°

26° Sensação
2.57km/h Vento
29% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h28 Nascer do sol
05h35 Pôr do sol
Ter 29° 12°
Qua 28° 11°
Qui 29° 11°
Sex 30° 11°
Sáb 30° 13°
Atualizado às 15h04
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,57 -0,52%
Euro
R$ 6,06 -0,57%
Peso Argentino
R$ 0,01 -1,38%
Bitcoin
R$ 402,109,65 +1,08%
Ibovespa
127,950,87 pts 0.26%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade